quarta-feira, 3 de setembro de 2014

GRAVIDEZ: rejuvenesça seus óvulos. Alimentos que melhoram a qualidade dos óvulos

Atualização em 24 de agosto de 2015 (a postagem original foi escrita em 3/set/2014). 
Eu, autora do blog Dulcineias e Madalenas, tenho 43 anos. E um filho de 1 mês e meio aqui no colo!!!!
Eu engravidei NATURALMENTE aos 42 anos e 8 meses, em outubro/2014! 
Fiz cesárea com quase 39 semanas de gestação, e meu filho nasceu com 3 kg e 48 cm. Super saudável!
Tive uma gravidez excelente, sem sangramentos, porém, tomei cuidados, pois já havia perdido 2 gestações. 
Então nesta gravidez fiz bastante repouso e tive uma boa alimentação - por exemplo, sem café, sem refrigerantes, bebidas estimulantes (como guaraná e mate, chá preto, chá verde, etc.), sem gordura trans (sorvete do McDonald´s é lotado de trans, salgados fritos em gordura vegetal também). 

Mas o que quero mesmo é relatar o que fiz para engravidar:
1) evitei gordura trans
2  praticamente aboli café e refrigerantes (refrigerantes já quase não tomava, mas era viciada em café). Há indícios de associação entre café e aborto.
3) tomei folliculinum 6 CH da homeopatia desde fev/2014. Engravidei em out/2014 e daí parei com o folliculinum.
4) tomei vit. C (1 mg/dia), vit E e ácido fólico desde jul/2014 (receitados pelo médico).
5) tomei água de coco pela manhã desde maio/2014 (quase todo dia).
6) fiz um tratamento com acupunturista (muito bom, por sinal), por 10 meses - fiz esse tratamento entre out/2012 a ago/2013. Precisava continuar, mas não tive dinheiro. Eu tinha uma fragilidade energética nos rins que poderia comprometer as gestações.
7) tomei Clomid uma única vez, no final de julho/2014.
8) Melhorei minha alimentação: comia mais integrais, pouco refinados, frituras só em casa (com óleo novo e de preferência, de coco).

Engravidei DEPOIS que escrevi a postagem abaixo.
Espero ter dado esperança a muitas mulheres que ainda sonham em ser mãe.
Beijos!

<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>
Atualização de 4 de abril/2016:
Fiz em 4/4/2016 uma nova postagem falando sobre o Dr. Ricardo Barini, da Unicamp, especialista em abortos de repetição. 
De acordo com a reportagem, o aborto de repetição pode ter várias origens - genética, anatômica, hormonal, infecciosa e imunológica. Segundo pesquisa realizada com 246 mulheres, com três ou mais perdas gestacionais, atendidas no Caism/Unicamp, a causa mais freqüente é a rejeição do sistema de defesa do organismo da mãe às características do embrião herdadas do pai.
O tratamento é feito com uma vacina produzida a partir do sangue do pai, e injetada na mãe.
Fica então mais uma alternativa para as mãezinhas tentantes!!! 
Clique aqui para ler a reportagem. 

<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>
Segue agora minha postagem original, conforme feita em 3 de setembro de 2014:

Gente, sobre gravidez, só posto notícia boa. Aqui não tem mi-mi-mi, só tem estímulo e espírito de luta.
Para quem está querendo engravidar, mesmo se você tem 40 anos, 41 anos, 42 anos... você consegue. NÃO LEIA ESTATÍSTICAS: VOCÊ PODE MUDAR E MUITO A QUALIDADE DE SEUS ÓVULOS.
Uma conhecida minha com 37 anos foi fazer fertilização in vitro e descobriu-se que seus óvulos eram como os de uma mulher de 42. Se o óvulo pode envelhecer mais que a idade biológica, ele também pode rejuvenescer mais que sua idade biológica.

Você precisa de 90 dias de uma dieta rígida quanto a qualidade dos alimentos. Vale a pena, certo? 90 dias é o que leva seu óvulo para maturar.
http://tudoporumbaby.blogspot.com.br/2008/12/linhaa.html
LINHAÇA:
"Lembrei-me de algo importante que um médico me falou sobre a dificuldade em engravidar. Ele me contou que ele e a esposa tentaram por 5 anos e não conseguiram, então foram a um médico especialista em reprodução. Marcaram uma FIV. Mas o médico disse para eles que havia feito uma pesquisa "fora de pauta", ou seja, não oficial, durante um tempo na faculdade em que várias mulheres engravidaram após começar a ingerir linhaça diariamente. Como isso não tinha comprovação científica (mas mal também não fazia) ele sugeria às suas pacientes incluir a linhaça na alimentação e tentar relaxar do assunto. A esposa deste meu médico incluiu a linhaça na alimentação e fez uma cirurgia nas pernas de varizes. Portanto, pensou em outras coisas...


E bem, teve que desmarcar a FIV, pois engravidou sozinha."
 LINHAÇA:
ajuda a regular a ovulação e deixa a membrana que envolve o óvulo mais permeável, o que facilita a penetração dos espermatozóides Wink Cool
ahh e tbm o gengibre: fortalece a parede dos óvulos e dos espermatozóides , facilitando o momento da concepção!!!! Cool Vi aqui: http://www.e-familynet.com/phpbb/linhaca-ajuda-na-fertilizacao-t438899.html 

http://blog.medicinia.com.br/2013/04/10/a-dieta-da-fertilidade-por-dr-fernando-prado/
Uma das causas mais comuns de infertilidade, a anovulação, pode ser totalmente revertida apenas com uma dieta bem balanceada. Os hormônios esteróides, envolvidos na formação dos espermatozóides e óvulos, são produzidos a partir de nossa dieta e tudo o que comemos ou deixamos de comer hoje, impacta em nossa fertilidade no mínimo nos próximos 90 dias. Os alimentos anti-oxidantes possuem a capacidade de combater radicais livres, protegendo óvulos e espermatozóides.
As famosas refeições rápidas (“fast-food”) são extremamente danosas para nossa saúde. Com a fertilidade não é diferente. Então pare de comer fast-food. 
A preparação para uma gravidez exige alimentos ricos em cálcio, zinco e ferro. Também é imprescindível a suplementação de ácido fólico, que evita os defeitos de fechamento do tubo neural (defeitos de medula e cérebro) no feto.
Vale salientar que apenas uma dieta saudável e balanceada nem sempre irá resolver todos os casos de infertilidade, especialmente se o problema envolvido for nas tubas uterinas ou em casos de homens com contagem de sêmen extremamente baixas. Porém, não há contra-indicações e a dieta pode ser utilizada por qualquer pessoa.
Observação do Dulcineias: conheci uma senhora e seu filho de 7 anos (lindo e saudável) com trompas obstruídas, desenganada quanto a gravidez, e que tomou confrei curando o problema das trompas e engravidando. Eu conheci. Infelizmente o senhor que receitou o confrei já faleceu. 
Em 2009 a Universidade de Harvard publicou um estudo sobre os alimentos mais importantes para a fertilidade. É baseado neste estudo que escrevo este texto. Segundo o estudo, mulheres que mantiveram cinco ou mais fatores de mudança no estilo de vida (incluindo a dieta) apresentaram 80% menos risco de infertilidade devida a fatores ovulatórios, se comparadas a outras mulheres que não seguiram as mudanças no estilo de vida.
Os melhores resultados foram obtidos por quem consumiu menos gorduras trans e açúcares, consumiu mais proteínas de origem vegetal em detrimento da animal, mais fibra e ferro, valeram-se de polivitamínicos, tinham um menor índice de massa corpórea (IMC), praticaram exercícios físicos e consumiram laticínios integrais (com alto teor de gordura, mas em quantidades moderadas). Os pontos fundamentais para a dieta da fertilidade são:
1. Evitar gorduras trans. Este tipo de gordura pode levar a obstruções arteriais e afetar a fertilidade bem como o coração e vasos sanguíneos.
2. Consuma mais gorduras vegetais insaturadas. As gorduras mono e poli-insaturadas ajudam a melhorar a sensibilidade do organismo à insulina e reduzem a atividade inflamatória. São encontradas em óleos vegetais, nozes, sementes e peixes de água fria (como salmão e sardinha, ricos em Ômega 3). Evite peixes de águas profundas (peixe-espada, atum, cação, tubarão e arenque) eles podem estar contaminados com arsênio, chumbo e mercúrio.
3. Consuma proteínas vegetais. Troque as proteínas animais (ovos, carnes) por vegetais, encontradas no feijão, soja, ervilhas, tofu ou nozes. Atenção para os alimentos com soja processada (leite de soja, carne de soja, queijo de soja etc), eles devem ser evitados, pois tem efeitos estrogênicos (hormônio feminino) que podem atrapalhar a fertilidade.
4. Carboidratos são importantes, especialmente os de digestão lenta, que são ricos em fibras, como grãos integrais (ricos em fibras), vegetais, frutas e feijão. Evite os de digestão rápida. Isso vai facilitar o controle da glicose no sangue e dos níveis de insulina. Evite também os alimentos processados, como pão branco, semolina e arroz branco, trocando por arroz ou massa integrais e quinoa.
5. Beba mais leite integral: um copo de leite integral ao dia, uma pequena taça de sorvete ou uma porção de iogurte integral parecem favorecer a fertilidade.
6. Use polivitamínicos: o ferro, zinco, cálcio e ácido fólico presentes nestes compostos são fundamentais. A dose mínima de ácido fólico necessária para prevenir defeitos de fechamento do tubo neural é de 400 microgramas ao dia. Leia abaixo sobre as fontes naturais das vitaminas.
7. Alguns vegetais são ricos em ferro: cereais integrais, espinafre e outras verduras de folhas bem escuras, feijão, abóbora, beterraba e tomates.
8. Bebidas: água é a melhor escolha, sem dúvida; prefira as minerais. Água em garrafas plásticas devem ser evitadas (podem conter substâncias químicas que mimetizam efeitos estrogênicos) e as de torneira também (podem estar contaminadas com pesticidas, ainda que em mínimas doses). Café, chá preto e álcool podem ser consumidos, mas em baixa quantidade. Suspenda refrigerantes.
As vitaminas e suas fontes naturais:
Ácido fólico: Talvez uma das vitaminas mais importantes e necessárias para a gravidez. Esta vitamina ajuda a prevenir defeitos de fechamento do tubo neural, bem como defeitos cardíacos congênitos, lábios leporino, defeitos de membros e anomalias do trato urinário em fetos em desenvolvimento. A deficiência de ácido fólico pode aumentar o risco de trabalho de parto prematuro, baixo peso ao nascer e restrição do crescimento fetal. A sua deficiência pode também aumentar o nível de homocisteína no sangue, o que pode levar a complicações como aborto espontâneo, descolamento de placenta e pré-eclâmpsia.
Fontes naturais: fígado, lentilha, feijão, grão-de-bico, aspargos, espinafre, feijão preto, feijão branco e couve.
Ferro: Estudos têm demonstrado que mulheres que não recebem quantidades suficientes de ferro podem sofrer de anovulação (falta de ovulação) e da piora da qualidade dos óvulos, o que pode inibir a gravidez a uma taxa até 60% maior do que aquelas com reservas de ferro suficientes em sua circulação.
Fontes naturais: lentilhas, espinafre, tofu, sementes de gergelim, feijão, sementes de abóbora (cru), grão-de-bico, feijão branco, carne, melaço.
Selênio: É um antioxidante que ajuda a proteger os óvulos e espermatozóides dos efeitos nocivos dos radicais livres. Os radicais livres podem causar lesões cromossómicas, levando a abortos e outros problemas ao nascimento. O selênio é também necessário para a produção de espermatozóides. Em estudos de homens com baixa contagem de espermatozóides, foram encontrados baixos níveis de selênio.
Fontes naturais: fígado, bacalhau, linguado, atum, salmão, sardinha, camarão, cogumelos crimini e peru.
Zinco: Nas mulheres, o zinco trabalha com mais de 300 enzimas diferentes no corpo para manter as coisas funcionando bem. Sem isso, suas células não conseguem se dividir corretamente, o seu níveis de estrógeno e progesterona podem sair do equilíbrio e seu sistema reprodutivo pode não funcionar adequadamente. Baixos níveis de zinco foram diretamente ligados a abortos nos primeiros estágios da gravidez.
Nos homens, o zinco é considerado um dos minerais mais importantes para a fertilidade; o aumento dos níveis de zinco em homens inférteis melhora a qualidade do sêmen (morfologia, função e qualidade) e diminui a infertilidade.
Fontes naturais: fígado de vitela, ostras, carne bovina, cordeiro, carne de veado, sementes de gergelim, sementes de abóbora, iogurte, peru, ervilhas, camarão. O zinco pode ser danificado durante a cozedura por isso é importante comer alimentos ricos em zinco na sua forma bruta.
Ácidos graxos essenciais: O Ômega-3 têm sido demonstrado como adjuvante da fertilidade, ajudando a regular os hormônios, aumentar a muco cervical, promover a ovulação e melhorar a qualidade global do útero através do aumento do fluxo sanguíneo para os órgãos reprodutivos.
Gorduras Ômega-3 também contém dois ácidos que são cruciais para a boa saúde: DHA e EPA. Baixos níveis de DHA têm sido associados a depressão e outros problemas de saúde mental. Durante a gravidez, a falta de DHA pode ser associada com parto prematuro, baixo peso ao nascer e hiperatividade em crianças.
Fontes naturais: sementes de linhaça, nozes, salmão, sardinha, linguado, camarão, pargo, e vieiras.
Vitamina D: A vitamina D é necessária para ajudar o corpo a criar hormônios sexuais, que por sua vez afetam a ovulação e equilíbrio hormonal. É muito importante dosar os níveis de vitamina D, pois estima-se que apenas 7% das pessoas tenham as concentrações ideais dessa vitamina em seu organismo.
Fontes naturais: ovos, peixes gordos, leite e óleo de fígado de bacalhau. Você também pode obter vitamina D fazendo exposição ao sol por 15 a 20 minutos por dia.
Vitamina E: Melhora a qualidade e motilidade dos espermatozzóides. Estudos mostram que uma dieta deficiente em Vitamina E pode ser causa de infertilidade em ratos. A vitamina E é também um antioxidante importante que ajuda a proteger a integridade do DNA dos espermatozóides e dos óvulos.
Fontes naturais: sementes de girassol, amêndoas, azeitonas, espinafre, mamão, folhas verdes escuras.
Coenzima Q10: Necessária para todas as células do corpo ter energia para funcionar. A CoQ10 também tem sido demonstrada em estudos como importante para aumentar a motilidade dos espermatozóides. É também um importante antioxidante que ajuda a proteger as células de danos por radicais livres.
Fontes naturais: Encontrada em carnes e frutos do mar. Sua concentração no organismo cai com o avançar da idade.
Vitamina C: Melhora os níveis hormonais e aumenta a fertilidade em mulheres com defeito na fase lútea, de acordo com um estudo publicado na conceituada revista “Fertility and Sterility”. Nos homens a vitamina C tem mostrado melhorar a qualidade do sêmen e protegê-lo de danos no DNA, ajudando a reduzir abortos e problemas cromossômicos. A vitamina C também parece evitar que os espermatozóides se aglutinem, tornando-as mais móveis.
Fontes naturais: abundante em plantas e frutas, incluindo pimentas vermelhas, brócolis, cranberries, couve, batatas, tomates e citrinos.
Ácido lipóico: É um antioxidante muito importante não só porque ajuda a proteger os órgãos reprodutores femininos como tem sido demonstrado que melhora a qualidade e motilidade do sêmen, mas também ajuda o organismo a re-utilizar continuamente os antioxidantes no corpo.
Fontes naturais: Em pequenas quantidades encontradas na batata, espinafre e carne vermelha.
Vitamina B6: A vitamina B6 pode ser utilizada como um regulador hormonal. Ela também ajuda a regular o açúcar no sangue, alivia a TPM e pode ser útil no alívio dos sintomas dos enjôos da gravidez. A vitamina B6 também foi demonstrada como sendo útil para tratar os defeitos de fase lútea.
Fontes naturais: Atum, banana, peru, fígado, salmão, bacalhau, espinafre, pimentão e nabo, couve, alho, couve-flor, mostarda, aipo, repolho, aspargos, brócolis, couve, couve de Bruxelas, acelga.
Vitamina B12: Demonstrou-se que pode melhorar a qualidade do sêmen e sua produção. Ela também pode ajudar a favorecer o endométrio (tecido que reveste o útero) na implantação do embrião, diminuindo as chances de aborto. Alguns estudos revelaram que a deficiência de vitamina B12 pode aumentar as chances de ovulação irregular, e, em casos graves, da ovulação parar completamente.
Fontes naturais: mariscos, ostras, músculos, fígado, caviar (ovas de peixe), peixe, caranguejo, lagosta, carne bovina, de cordeiro, queijo, ovos.
Sobre o autor:
doutor
Dr. Fernando Prado Ferreira, Ph.D.
CRM 103.984
Médico especialista em Reprodução Humana, com graduação e residência médica pela Universidade Federal de São Paulo.
Doutor pelo Imperial College London e pela Universidade Federal de São Paulo.

<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>
http://www.e-familynet.com/phpbb/ovulos-com-ma-qualidade-o-que-fazer-t238920.html
Amiga, 
Fora as dicas das meninas, acho que vale um reforço na alimentação. Coma bem, com qualidade, bastante proteína e uma dica é a linhaça. Essa sementinha é super poderosa, a maior fonte de ômega 3 da natureza e ajuda a equilibrar os hormônios da mulher e dar mais "matéria prima" para o seu corpo. 
Compre um pacotinho da semente, triture um pouco no liquidificador e coma todo dia pelo menos 2 colehres de sopa com iogurte ou frutas. Eu estou fazendo isso e acho q este mês meu ciclo melhorou bastante. 

<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>
http://umdiamae.blogspot.com.br/2013/02/como-melhorar-qualidade-dos-ovulos-em.html

Como melhorar a qualidade dos óvulos em 90 dias

Um estudo sobre como melhorar a qualidade dos óvulos. Uma pena estar em inglês, porque eu não tenho paciência de traduzir ipsis literis.

Basicamente, ela diz que vc tem 90 dias para melhorar a qualidade do óvulo, que seria o tempo que o óvulo demora desde o folículo até a ovulação, conforme a figura:
Alterações dentro do período amarelo vão garantir óvulos de melhor qualidade, segundo a autora desse estudo. Então, ela enumera os seguintes pontos como principais:
- ÁGUA - essa é velha, mas a gente vive esquecendo. Enquanto lia a matéria, levantei para beber água rsrsrsrsrs
- EXERCÍCIOS AERÓBICOS - tbm é velha. mexa-se! 
- MASSAGEM PARA FERTILIDADE - Ela sugere a automassagem ou a massagem abdominal maya. Mas importante: se estiver tentando nesse ciclo, pare um pouco antes da ovulação. E quando descer a mestruação, tambem pare com a massagem.
- EQUILÍBRIO HORMONAL - uma dosagem pode ilustrar a situação. Peça para o seu médico. Se o FSH estiver alto, ela sugere usar uma erva chamada Vitex.(mais em http://natural-fertility-info.com/vitex)
- STRESS - para mante-lo sob controle. Essa atmbém é uma velha conhecida.
- NUTRIÇÃO. Ela então sugere os seguintes alimentos:
geléia real, Maca peruana (Lepidium meyenii), folhas verde escuras, brocolis, berries (morangos, amoras, framboesas), folhas escuras (alfaces, repolho roxo, etc), halibut, salmão, semente de abóbora, gergelim, gengibre e açafrão.
E proibe:
refrigerantes, cigarro, cafeína, alcool, açucar, carnes e laticínios não orgânicos, produtos lights, alimentos processados e trangênicos. basicamente, o conselho dela é: mantenha-se o mais natural possível. O que achei curioso é que aliado à esse estudo, encontrei outro que pasmem: diz que uma dieta com baixa calorias pode SIM melhorar a qualidade dos óvulos. Esse estudo ainda não foi comprovado com humanos. Difícil é conciliar a ingestão de tudo isso com uma dieta de baixa caloria. Dêem uma olhada em outro estudo:
http://www.medpedia.com/news_analysis/30-The-Patients-Doctor/entries/101653-An-expert-patient-reviews-the-medical-literature-on-how-to-improve-egg-quality

Sugere ainda suplementos vitamínicos, antioxidantes e L-arginina. lembrando que essas coisas nos estados unidos sao facilmente encontradas, vendidas em potes dentro de supermercados. 

Quem quiser ler a matéria na íntegra, acesse:
http://natural-fertility-info.com/increase-egg-health
Sobre a maca peruana:
http://natural-fertility-info.com/maca

O autor do segundo estudo ainda fala sobre os perigos do DHEA (que eu tomo por conta própria), visto que é um hormônio que pode mexer com a tireóide, e seus benefícios em humanos tambem não foram comprovados ainda.

Nas conclusões, ele menciona sobre o FSH e o mulieriano, lembrando que baixa reserva não significa que os poucos óvulos não tem qualidade. Ele afirma que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. (profundo!) 

O mais interessante desse segundo estudo, é que foi uma resposta à um post de uma mulher, que assim como eu, e como tantas outras, sofre com o diagnóstico ISCA. Ela permanece anonima, mas faz depois o comentário dela, e vou dizer; dói ler. Entendo e compartiho cada palavra, cada lágrima, cada medo, cada dor dessa mulher. O incrível desse mundo é encontrar essa humanidade latente em todos nós, independente do país, da religião, da classe social. Somos humanos, mulheres, guerreiras, treinantes, e só nós sabemos o que isso significa.

Só um trecho do estudo:
In the past a common belief was that the only factor which determines ovarian and egg health was age. Based on new studies, we now know that this may not be true.
No passado, uma crença comum que o único fator que determina a saúde ovariana e do óvulo era a idade. Baseado em novos estudos, nós agora sabemos que isto pode não ser verdade. 
(...)
A saúde do ovo é um dos pilares da fertilidade saudável. A saúde de seus ovos (óvulos) podem afetar se ou não a fertilização e implantação ocorrerá, bem como a viabilidade de uma gravidez. No passado pensou-se que nós nascemos com todas as células óvulos que teremos para o resto de nossas vidas, daí a razão de idade pode ter um impacto tão grande na saúde ovo. Os óvulos são algumas das únicas células do corpo que não se regeneram ... ou pelo menos que tem sido a crença até agora. Uma pesquisa recente trouxe à tona alguns novos pontos promissores na produção de ovos - as mulheres podem realmente produzir ovos ao longo dos anos reprodutivos. Os cientistas descobriram células-tronco dentro dos ovários que produzem novos óvulos (Nature, 2004). (gente, isso é incrível!! E saiu na Nature!!!!)

Independentemente deste estudo, a idade ainda tem um impacto sobre os novos ovos. Isto é devido aos ovários continuarem a envelhecer, fazendo com que o "invólucro" ("casa") para os ovos pode não ser ótimo. Isso mostra a importância do que vamos abordar neste artigo. Proteger os ovos que você tem atualmente, bem como incentivar a saúde dos ovários através de dieta, ervas, suplementos e aumento da circulação para o sistema reprodutivo.

Muitas mulheres que estão tendo problemas para engravidar ouviram de seus médicos que seus ovos não são saudáveis​​, ou que há ovos "velhos". As opções geralmente dadas a essas mulheres incluem o uso de uma doadora de óvulos, fertilização in vitro, ou a adoção. Mas o que a maioria das mulheres não sabem é que existem coisas que você pode fazer para ajudar a apoiar a saúde dos ovários e ovos, mas isso deve ser feito por pelo menos 90 dias para ter um impacto.

Durante o ciclo da jornada dos ovos para a ovulação há uma janela de oportunidades, um período de tempo, em que certos fatores podem afetar a saúde dos ovos que estão se preparando para a ovulação. 

O ciclo de um ovo em preparação para a ovulação é de cerca de 90 dias. 

Durante este período de 90 dias antes de um óvulo é ovulado, os ovos estão mudando e se preparando para a ovulação. Neste momento eles são capazes de ser afetados por influências saudáveis ​​ou não. Os ovos podem ser afetados por: 
Fluxo de sangue 
oxigenação adequada 
Equilíbrio hormonal 
ingestão nutricional 
estresse 
Estes são os fatores que você vai querer se concentrar para aumentar a saúde dos seus ovos. Vamos olhar para cada um dos fatores mais de perto, e analisar como você pode ter um impacto sobre eles: 

Fluxo sanguíneo e oxigenação adequada 
O sangue que flui para os ovários deve ser rico em oxigênio, isso é essencial para a boa saúde do ovo. O fluxo de sangue pode diminuir por falta de exercício, desidratação e sangue grosso. Para aumentar o fluxo de sangue para os ovários siga estas sugestões: 

Beber pelo menos oito 8 copos de água pura por dia. 
A desidratação pode fazer seu sangue ficar espesso e diminuir a circulação no corpo, assim como muitas outras questões. Certifique-se de beber água purificada, que não é engarrafada em plástico. Uma maneira fácil de obter uma vantagem inicial, todas as manhãs, é colocar um litro de água ao lado de sua cama quando você vai dormir. Você pode, então, beber um litro de água ao levantar-se e você está a meio caminho andado com a água durante o dia. 

Exercício 
Encontre algo para fazer que inclui o movimento, tais como tênis, andar, correr, dançar, ou a yoga da fertilidade. Exercício aumenta o fluxo de sangue no corpo, traz o sangue fresco a todas as células e contribui para oxigenar o sangue. 

Obter Abdominal ou Fertilidade Massagem 
Uma das melhores terapias para aumentar o fluxo sanguíneo para o sistema reprodutivo é massageando seu útero e ovários. Massagem ajuda a trazer sangue novo, oxigenado para os ovários e remove o sangue estagnado mais velho. Você pode ter um massagista que realize a massagem abdominal ou encontrar um terapeuta que é especialista em fertilidade ou massagem abdominal Maya. Você também pode aprender a aplicar auto Fertilidade Massagem e fazê-lo no conforto da sua própria casa. O melhor é fazê-la a partir do 1.o dia após o fim do seu período e continuar durante todo o mês, praticando pelo menos 4 vezes por semana. Se você atualmente está tentando conceber, executar as técnicas de massagem a partir do dia após o seu período acabou até a ovulação. Aqui tem um vídeo de como fazer: http://natural-fertility-info.com/fertility-massage

Melhores alimentos para a saúde ovo:
geléia Real 
Maca 
FertiliGreens 
brócolis 
frutas vermelhas (amora, framboesa, morango)
Vegetais folhosos escuros 
linguado 
salmão 
sementes de abóbora 
sementes de gergelim
Cúrcuma (açafrão) 
Gengibre

Os alimentos que podem prejudicar a saúde ovo:
cigarros 
cafeína 
álcool 
açúcar 
Carnes e produtos lácteos não-orgânicos
Soda 
Dieta de baixa gordura 
Alimentos Processados 
Gorduras Trans 
GMO Foods (comidas geneticamente modificadas) ver mais aqui http://natural-fertility-info.com/gmo-infertility.html

Tem mais trechos na reportagem, mas coloquei bastante coisa.

<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>
http://epoca.globo.com/vida/noticia/2013/07/desafiei-estatisticas-e-tive-btres-filhos-depois-dos-35b.html

“Desafiei as estatísticas e tive três filhos depois dos 35”
E quanto aos defeitos congênitos? (...)
Dá uma lida lá na reportagem: http://epoca.globo.com/vida/noticia/2013/07/desafiei-estatisticas-e-tive-btres-filhos-depois-dos-35b.html
<><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><>

Benefícios da LINHAÇA: LEIA AQUI (http://www.mamanandco.com.pt/forum/topic2359.html) ou clique aqui.






35 comentários:

  1. Ler sua mensagem foi um alento, um sopro de esperança. Continuarei na luta e espero um dia dividir aqui que, assim como você, estou com meu filho nos braços. Beijos e expresso minha gratidão por dividir sua experiência e ajudar a mim e a muitas outras mulheres.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Considero esta postagem a mais significativa do blog. Depois que perdi pela segunda vez, em 2012 (perto do dias mães), entrei em depressão. Nada mais importava neste mundo. Em 1 de setembro/2014 fui a uma clinica de fertilização, quando o médico disse que com tudo aquilo que eles fazem (e taxas altíssimas de hormônio), eu teria 12,5% de chance de engravidar, devido a minha idade. O tratamento custaria cerca de 30 mil e eu não tinha dinheiro para isso. Saí da clínica querendo morrer, pensei em me matar mesmo, só que por uma questão de espiritualidade, sabia que não poderia fazer isso. Mas como quis... Como continuar a viver com a notícia de que talvez não teria filhos? Resolvi reagir e fui ler tudo que pude sobre as estatísticas. Não confie em estatísticas. É perfeitamente possível engravidar depois dos 40.
      Bom.. fui a esta clínica em 1 de setembro, escrevi a postagem em 3 de setembro. Nem sei se acreditava mais que eu engravidaria um dia. Mas não podia me abater. Um mês e meio depois engravidei.
      Torço por cada uma das mãezinhas que ainda não tem seus filhos. Torço, rezo, para que Deus faça milagres na vida de cada uma de nós.
      Por isso escrevi a postagem. Realmente espero ajudar.
      Saiba que você estará nas minhas orações. Quando engravidar, venha aqui me contar, ok? Não pense se vai ter ou não, apenas faça amor com seu companheiro. Eu nem conseguia tentar tanto, era sempre uns 3 dias próximos ao meu período fértil. Tenho amigas que quando perto do período fértil, tentavam uma semana. Eu e meu marido nunca conseguimos esta frequência, por conta dos horários de nossos trabalhos. Conheço uma moça que teve seu primeiro filho aos 46 anos, SEM tratamento, e outra que teve um filho (não era seu primeiro) aos 51 anos. SEM tratamento. Confie em Deus, confie na sua força de mãe.
      Beijos!

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Estou a começar a fazer isso , parei de fumar e refri não tomi mais, agr vou comprar alguns integrais e melhorar minha alimentação. Vale fazer tudo pra conseguir meu BB. Logo q já fiz 3 UI e 1 Fiv. Causa indefinida de infertilidade. Mas acredito muito na homeopatia, e estou lendo o livro Milagre da Gravidez. E aprendendo muito. Fé q um dia acontece o positivo... Sorte a todas.

    ResponderExcluir
  4. Estou a começar a fazer isso , parei de fumar e refri não tomi mais, agr vou comprar alguns integrais e melhorar minha alimentação. Vale fazer tudo pra conseguir meu BB. Logo q já fiz 3 UI e 1 Fiv. Causa indefinida de infertilidade. Mas acredito muito na homeopatia, e estou lendo o livro Milagre da Gravidez. E aprendendo muito. Fé q um dia acontece o positivo... Sorte a todas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana Paula!!!!
      Você vai conseguir!!! Que bom que parou de fumar, não é fácil, parabéns. Continue com as mudanças no estilo de vida. Melhore sua alimentação em 100%, vale a pena o esforço.
      Beijos!!!

      Excluir
  5. Ola em primeiro lugar quero te parabenizar por ajudar nos tentantes,na esperança de alcançarmos nossos objetivos,eu gostaria de uma informação qd vc estava tentando engravidar seus hormonios estavam normais digo o hormonio FSH,pois tenho 35 anos e o meu infelizmente está 11,98.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Daisy. Sim, meu FSH estava normal.
      E acho que o seu também está!!

      Daisy, vc só me disse que o seu FSH está 11,98, mas não me deu a unidade de medida dele. Se for mUI/mL, seu FSH está NORMAL.
      Veja aqui: http://medicoresponde.com.br/tag/fsh/ , tem lá "Quais os valores normais de FSH".
      Você é muito jovem!!
      Você tem endometriose? Tomou anticoncepcional direto sem parar?
      Daisy, você é muito jovem.
      Vá a um acupunturista, a um médico ortomolecular e a um homeopata. Atenção: esses profissionais têm que ser EXCELENTES, senão não adianta.
      Acredito firmemente que variações hormonais anormais podem aconter ao longo da vida, por conta de alguma situação, mas que podem ser normalizadas.
      Vc não tem idade para estar em menopausa.
      Mude seus hábitos de vida e seus hormônios podem voltar ao normal.
      A vida inteira tive um ciclo menstrual de 18 a 24 dias. Com a acupuntura, passei a ter um ciclo de 27-28 dias.
      Pare de comer açúcar, pão, bolo, gordura trans (salgadinhos chips e sorvetes, entre outros), embutidos (salame, presunto), enlatados, pare com tudo que é artificial (queijos, alimentos industrializados), café, refrigerante, ...
      Coma frutas, verduras, legumes, faça bolos integrais (tenho várias receitas), coma LINHAÇA, gergelim, aveia, arroz integral, geleia real...
      Bola pra frente!
      Tenho certeza que vc engravida!


      Excluir
  6. Oi, tenho 35 anos e fui diagnosticada com FOP falência Ovarina precoce. Pois meu fsh está altíssimo 79. Vou seguir suas dicas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso. Li aqui sobre FOP:
      http://bedmed.com.br/tratamentos/falencia-ovariana-precoce/
      Alguns fatores que podem provocar a FOP: os principais são quimioterapia e radioterapia. Outras toxinas: fumaça do cigarro, produtos químicos, pesticidas e vírus, além de doenças autoimunes.
      Me parece raro alguém desenvolver FOP... Vc fez quimio?

      Equipe Mallaguetas: meu acupunturista me contava casos extremos de acordo com a medicina tradicional, e que na acupuntura podiam ser revertidos. Por exemplo, miomas que sumiram, com comprovação de exames, regularização hormonal, etc. - eu mesma tinha um ciclo menstrual curto e muita TPM e me curei com a acupuntura.

      Você é muito jovem, comece a fazer uma boa dieta, mude seus hábitos de vida, pare de fumar, exercite-se, faça tratamentos homeopáticos e acupuntura (com bons profissionais, senão não adianta). Médico ortomolecular também ajuda MUITO. Vai dar certo.

      Excluir
  7. Nossa estou impressionada com a sua atenção a todas as tentantes. Parabéns pela iniciativa. tudo que vc postou me fez ver que é possivel e me deu esperança para continuar. Boa sorte a todas as futuras mamaes. e assim que conseguir venho compartilhar com vcs. obrigada

    ResponderExcluir
  8. Nossa estou impressionada com a sua atenção a todas as tentantes. Parabéns pela iniciativa. tudo que vc postou me fez ver que é possivel e me deu esperança para continuar. Boa sorte a todas as futuras mamaes. e assim que conseguir venho compartilhar com vcs. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Cassia! Puxa, obrigada!
      Tenha esperança sim!! Passei a estudar o assunto e descobri vários casos de mulheres com problemas que, segundo a medicina tradicional, impossibilitariam a gravidez. E essas mulheres engravidaram!!
      Continue tentando!!
      Mas mude seu estilo de vida!! Alimentação, hábitos de sono (o sono irregular e insuficiente afeta a produção hormonal).
      Procure um acupunturista - o cara tem que ser bom - pois desequilíbrios energéticos também afetam a fertilidade. A acupuntura tem um olhar diferente do corpo humano.
      Médico ortomolecular pode ajudar na questão hormonal.
      Durma 7-8 horas por noite, de preferência antes de 23h00, e no escuro absoluto (use máscara, se preciso).
      No escuro, a produção de melatonina acontece.
      Para aprender mais, coloque no google: melatonina escuro.
      A melatonina é só um exemplo.
      Muitos hormônios de nosso corpo se normalizam com hábitos saudáveis de vida.
      Vale a pena mudá-los para melhor!

      Venha aqui nos contar quando engravidar!!!!

      Beijos!

      Excluir
  9. Olá! Por acaso encontrei esse blog,amei os depoimentos.Pois, estou muito frustrada,depois de tentar por anos engravidar naturalmente e não consegui, então parti para fertilização in vitro.Meu marido não queria de jeito nenhum, mas aceitou.Fiz minha transferência de embriões dia 06/11 dia 20/11 fiz o beta e a resposta NEGATIVO, meu mundo acabou até agora não estou acreditando fiz planos pq tinha certeza que eu teria meu filho.E o que me deixa mais triste é o fato de que meu marido nem quer mais ouvir falar em repetir a fertilização.Não sei o que fazer da minha vida a partir de então, pq a médica disse que só podemos conseguir filhos através da fertilização. Se puder me diga alguma coisa,estou pedindo socorro! bjos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gheny!
      Nem sempre dá certo na primeira tentativa. Fique tranquila, é assim mesmo. A Monica Carvalho tentou tratamentos por anos... Até que conseguiu.
      Vc não me deu detalhes de seu caso. Por que a médica diz que só com fertilização?
      Bom, Gheny, já vi de tudo: mulher com trompa obstruída engravidar, mulher com 51 anos engravidar naturalmente, mulheres com endometriose, com miomas, engravidarem...
      Vc leu toda postagem? Os comentários inclusive?
      Tem muitas dicas: sobre sono, alimentação, exercícios. Leia com atenção. Mude radicalmente sua alimentação, durma no escuro absoluto (use máscara se preciso) por 7-8 horas toda noite, faça exercícios, emagreça se estiver acima do peso, procure um acupunturista BOM, um médico ortomolecular.
      Acredita em Deus? Reze. Eu rezei muito. Eu tinha até medo de pedir a Deus um filho... tinha medo que ele não me atendesse. Mas reze, peça.
      Imagine-se grávida, imagine-se com seu filho.
      Não perca tempo desanimando.
      Faça sua parte e vá à luta. Comece agora!
      Beijos!

      Excluir
  10. Simplesmente maravilhosa, positiva, um grande estímulo realmente, sei que essa luta não é fácil, sou laqueada há 10 anos, fiz uma FIV há um ano, sem sucesso, mas ainda sim acredito que vou ter outro filho, as dicas do blog são exponenciais...

    ResponderExcluir
  11. OLÁ OBRIGADA POR TER ME RESPONDIDO,DESCULPE EU N TINHA COLOCADO A REFERENCIA DO LABORATORIO SOBRE O MEU HORMONIO O FSH É DE NO MÁXIMO 8,78MUI/ML ENTÃO QD VIO RESULTADO O MUNDO P MIM NESTE DIA DESABOU,NOTEI Q A MINHA OVULAÇÃO A FAMOSA CLARA DE OVO COMO TODAS FALAMOS COMEÇOU VIR BEM POUQUINHO,QUASE NADA E O MEU ESTRADIOL ESTAVA 20PG/ML E A REFERENCIA INICIAL DO LABORATORIO É 27,O,POR ISSO MEU DESESPERO.ENTÃO NO DIA 28 DE OUTUBRO DESTE ANO TOMEI UMA DECISÃO,COMECEI A ME ALIMENTAR C PRODUTOS INTEGRAIS,COMER OLEAGINOSAS,N TOMO MAIS LEITE DE VACA E SIM SÓ LEITE VEGETAL FEITO POR MIM,QUEIJOS APENAS OS VEGANOS,TOMO 2 LTS DE AGUA POR DIA E COMECEI A FAZER CAMINHADA,FUI NA HOMEOPATA E PEDI P Q ELA ME PASSASSE O VITEX P ABAIXAR O MEU HORMONIO ELA PRESCREVEU DE 400MG TOMAR 2X AO DIA E ESTE MÊS DE DEZEMBRO COMEÇO A TOMAR,A MINHA MENSTRUAÇÃO TEM MÊS Q VEM DIA 30 EM OUTROS MÊS DIA 1 OU 2 OU 3,MAIS AGORA N SEI SE PQ MUDEI A ALIMENTAÇÃO NO MÊS DE DEZEMBRO VEIO DIA 7 AHH!! ESTOU TOMANDO FAZ UM MÊS O UXI AMARELO.SOBRE TUDO A MINHA MAIOR PREOCUPAÇÃO É COM A OVULAÇÃO N ENTENDO PQ ESTÁ VINDO TÃO POUQUINHO,ACHO Q VOU TER Q FAZER O EXAME ANTIMULLERIANO P VER A RESERVA OVARIANA.TE AGRADEÇO DE CORAÇÃO TODA ATENÇÃO E CARINHO P CONOSCO TENTANTES,REZO N SÓ P MIM E SIM P TODAS TENTANTES P Q UMA HORA ALCANCEMOS CHEGAR LÁ EM NOME DE JESUS,VC É UM ANJO Q VEIO P NOS DAR CONSELHOS,E ACIMA DE TUDO MUUITA POSITIVIDADE.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Olaaa.... Meu nome e cynthia, 36 anos tenta te a 4 anos em 2014 engravidei com tratamento de indux mas com 8 semanas fiz uma laparatomia com retirada da trompa e ovário direito, não engravidei ate hj.... Tenho 1,67 cm e 70 kg um pouco acima do IMC adequado..... Estava pensando em partir pra Fiv, mas seu post me deu outro norte.....

    ResponderExcluir
  14. Olá,parabéns por sua dedicação. Seu blog me deu esperança, sou tentante a 6 anos e até hoje nada. Fui diagnosticada com obstrução tubaria, fiz cirurgia de desobstrução a 8 meses, e estou tentando. Peço muito a Deus que me conceda a graça de ser mãe. E tenho fé que serei agraciada. Vou seguir os seus conselhos e acrescentar alguns itens que não consumo.
    Fico na torcida pra que eu e todas as outras que assim como eu sonha em ser mãe.
    Obrigada

    ResponderExcluir
  15. Olá,parabéns por sua dedicação. Seu blog me deu esperança, sou tentante a 6 anos e até hoje nada. Fui diagnosticada com obstrução tubaria, fiz cirurgia de desobstrução a 8 meses, e estou tentando. Peço muito a Deus que me conceda a graça de ser mãe. E tenho fé que serei agraciada. Vou seguir os seus conselhos e acrescentar alguns itens que não consumo.
    Fico na torcida pra que eu e todas as outras que assim como eu sonha em ser mãe.
    Obrigada

    ResponderExcluir
  16. Tenho 43 snos r pouca ovulacao...
    Ja giz 2 iia.
    Tenho um filho de 19 anos do meu primeiro casamento..
    Ficando sem esperança

    ResponderExcluir
  17. Tenho 43 snos r pouca ovulacao...
    Ja giz 2 iia.
    Tenho um filho de 19 anos do meu primeiro casamento..
    Ficando sem esperança

    ResponderExcluir
  18. Tenho 40 anos e pouca ovulação, as vezes ne bate um desânimo. A ansiedade me faz criar expectativas, e todo mês vejo meus sonhos descer vaso abaixo.

    ResponderExcluir
  19. Tenho 40 anos e pouca ovulação, as vezes ne bate um desânimo. A ansiedade me faz criar expectativas, e todo mês vejo meus sonhos descer vaso abaixo.

    ResponderExcluir
  20. olá tenho 38 anos e acabei de ter um aborto de 7 semanas gestação ,ainda estou em repouso. Lendo esses comentários sinto mais preparada para uma próxima tentativa vou fazer todas essas dietas para que daqui 90 dias possa ter uma fertilização saudável e tenha um ótimo desenvolvimento do meu futuro bebê obrigada pelas dicas continuarei tentando

    ResponderExcluir
  21. Bom dia meninas, estou com 44 anos e nao tive filhos. Em dezembro do ano passado fiz FIV e foi negativo. Apesar dos meus hormonios serem otimos, nunca engravidei e isso me entristesse muito. Meu marido tb nao quer mais tentar por tratamento e nem adoção. Tem dias que me sinto tão triste e depressive. Acordo a noite e choro até o dia amanhecer. Tem noites que nem durmo. Não tenho com quem conversar sobre essa minha frustaçao. É triste demais!!!

    ResponderExcluir
  22. Oi, queria agradecer seu carinho e atenção, dividindo sua experiência e passando a todas que não conseguem engravidar, uma esperança. Tenho 41 anos, faço 42 semana que vem, dia 8 de outubro. Tenho 2 filhos, uma moça de 21 anos(sou avó de uma linda garota de 10 meses) e tenho um filho de 18 anos. O ano passado em fevereiro engravidei,( engravidei por coincidência, junto com minha filha, íamos ter os bebês com 1 semana de diferença),com 9 semanas e meia fiz o ultrassom e o bebê estava com 6 semanas e meia e sem batimentos cardíacos, 4 dias depois, tive o aborto espontâneo. Fiquei arrasada, me culpava por não ter dado certo, só chorava. Passou 2 meses engravidei de novo, uma nova esperança acendeu, demorei pra fazer o ultrassom com medo de não estar dando certo novamente, com 3 meses e meio de gestação aparentemente estava indo tudo bem, tirando os sintomas que eu tinha, que eram insuportáveis, enjoos, tudo cheirava mal, etc. Achei que por isso estava tudo bem, fiz o ultrassom, mais uma decepção, os médicos viam o saco gestacional, mas nada de embrião. Fizeram exame de sangue e quando veio o resultado me mandaram direto pra o hospital pra fazer o vacuum. Tive a gravidez chamada
    "gravidez molar" eu nem conhecia este tipo de gravidez, não formou o feto, formou uma célula. Depois disso eu tinha que ficar durante 1 ano fazendo exames de sangue frequentemente para ver se a taxa de hormônios HCG tinham zerado, pois neste tipo de gravidez a contagem de hormônios é 3 vezes mais alta do que uma gravidez normal, por isso que eu passei tão mal. 9 meses depois, em junho desde ano, novamente fiquei grávida, desta vez foi por um descuido, mas claro, fiquei feliz e esperançosa. Quando eu estava com 10 semanas, tive um pequeno sangramento, como meu histórico não era bom, fui para o hospital, a contagem de hormônios estava certa pela idade gestacional, não era gravidez molar, mas o ultrassom, poxa de novo, sem embrião, só tinha o saco gestacional. Gravidez anembrionaria.
    Enfim, essa é minha história, os médicos dizem que minha idade não ajuda, que meus óvulos estão velhos e bla bla bla. Quero muito tentar de novo, até agora estava com medo, mas sua postagem me encheu de esperança. Vou tentar pela última vez e tentarei seguir seus conselhos. Espero que agora tudo de certo. Com certeza te deixarei saber se tudo der certo ok, um grande abraço e parabéns pelo seu bebê e pela sua conquista.

    ResponderExcluir
  23. tenho 44 anos e no final de dezembro de 2016 estava fazendo controle de ovulação pois tinha tomado uma caixa de clomid, segunda a medica da ultrassonografia eu não iria ovular naquele ciclo, fiquei muito triste mais continuei com o mesmo propósito dia sim dia não com meu esposo. no dia de descer a mestruação não desceu e fiquei no aguardo, final de janeiro de 2017 eu fiz o teste de gravidez e deu positivo, voltei a médica e fiz a ultrasson estava com 6,5 semanas fiquei assustada e muito feliz, dia 17 fui ao médico e ele não ouviu os batimentos cardiacos do bebê, pediu uma outra ultrasson, a veio a tristeza estava de 8 semanas e 5 dias e sem batimentos cardíacos tinha tido um aborto retido. foi um choque ,muito profundo pois queria muito este filho. fiz a curetagem estou me recuperando, mais lendo este artigo confesso que me encheu de esperanças de logo logo estarei grávida. vou cuidar mais da alimentação e do stress que confesso passei muito. obrigado por esta matéria. muito importante para as tentantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, vencedora!
      Você já tem outros filhos? Está tentando seu primeiro filho?
      Eu sou uma pessoa muito positiva.
      Eu sei o quanto vc deve estar sofrendo por conta do aborto.
      É uma dor, principalmente se ainda não tem filhos.
      Além de cuidados com a alimentação, faça mentalizações.
      Mentalize-se grávida, tendo uma excelente gravidez de 9 meses, mentalize seu parto perfeito, seu bebê perfeito em seus braços!
      Mentalize isso várias vezes ao dia.
      O resultado é muito eficiente e rápido.
      Não perca tempo pensando coisas ruins. Não faça isso com sua energia vital.
      Beijos!

      Excluir
    2. Não minha querida eu não tenho filhos ... seria o primeiro filho.... confesso que já li diversas vezes essa matéria sua tem sido muito importante pra mi.
      muito obrigado

      Excluir
  24. como disse fiz o exame que constatou o aborto em 17/02/2017 e dia 22/02/2017 fui internada pra curetagem..... agora estou aguardando o tempo dado pelo médico pra tentar novamente.
    beijos tenha muita fé e esperanças Deus é Deus do impossível

    ResponderExcluir
  25. Oi Vencedora, tenho a sua idade e ja engravidei 2 vezes e perdi com mais ou menos 8 semanas, a primeira vez foi em 2014 eu tinha 41 anos na época e a outra em 2015 na época com 42, depois disso n engravidei mais, estou sendo acompanhada por uma medica especialista e tenho muita fé em Deus n sei qual a sua religião mas confia em Deus querida q o mais ele fará nas nossas vidas.Bjinho

    ResponderExcluir
  26. Meu parceiro e eu estamos tentando por um bebê há mais de sete anos, nós estávamos indo para uma clínica de fertilidade por anos antes de alguém ter me contado para entrar em contato com esse conjurador de feitiços que é tão poderoso chamado Templo de Agbazara para ele me ajudar a obter o prenant, E eu Fico feliz por termos contatado DR.AGBAZARA, porque a magia da gravidez dele nos colocou à vontade, e honestamente acredito nele, e seus poderes realmente nos ajudaram também, agradeço por tudo o que ele fez. entre em contato com ele por e-mail em: ( agbazara@gmail.com ) ou ( WHATSAPP; +2348104102662 ) se você está tentando obter um bebê, ele tem poderes para fazê-lo.

    ResponderExcluir